Albertina Carneiro Arruda

Albertina Carneiro Arruda é esperantinopense, nascida aos 21 anos de maio de 1952. É graduada em Ciências Contábeis pela Universidade Federal do Maranhão, Licenciatura Plena em Filosofia e Letras. Especialista em Docência do Ensino Superior, Educação Desenvolvimento e Práticas Educativas e Gestão de Recursos Humanos.

Funcionária Pública Estadual aposentada e professora universitária. Dedica-se à literatura como militância fiel à poesia e em defesa dos direitos da mulher, da criança. Utilizando-se de conhecimentos que a qualificam e a presentam como conferencista das áreas de religião e educação. Estreou como poetisa como o livro Poesia, canto da alma (1985). Tem produção literária inédita.

É membro fundadora da Academia Esperantinopense de Letras, com assento na cadeira nº 7, que tem como patrona Dagmar Desterro. Membro da Associação Maranhense de Escritores Independentes AMEI.

OBRAS DA AUTORA

azulejo

Sinopse:

“Canto da Alma"

 

 

Uma Voz de Mulher. Suave, sussurrante, que nos vem a brisa que farfalha nos palmeirais de sua terra natal.

Frases aprendidas em cicios com a natureza. Linguagem de amor dos ventos feita flor, pássaros balé de ramagens. Entoação lírica que transfigura a realidade tocada pelo sopro do seu verso.

 

Versos livres coma fala de sua gente.

E ler suas páginas é caminhar com a autora no rumo feliz de suas aspirações na comunidade repartida do pão-palavra cozido ao fogo das primeiras inspirações mas com o gosto do sal de uma boa poesia .

 

Raimundo Carneiro Corrêa

Dezembro/1985

2ª edição

Editora: ética

Ano: 2015

Gênero: Poesia

Páginas: 76 p.

Livraria e Espaço Cultural AMEI - São Luís Shopping: (98) 3251 3744

Presidente: (98) 9 9612 2384 (WhatsApp)

1ª Secretária: (98) 9 8283 2560 (WhatsApp)

Email: amei.osfl@gmail.com

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon

© 2020 AMEI.